quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Para a estrela de Big Field.



Não foi fácil nem previsível. No início de tudo estávamos lá mas não estávamos; éramos amigas mas não éramos; nos sabíamos ali mas não nos conhecíamos. Então onde aconteceu? Não sei ao certo. O fato é que um dia eu olhei pro lado e encontrei a verdadeira moça do sonho. Você, Juliana Alves. Quando achei que fosse a única maluca no mundo, você apareceu. E me contou seus sonhos mirabolantes, seus amores intensos, as dores sofridas, as lições tiradas, suas filosofias e poesias de vida. Eu descobri que não era a única a carregar um mundo inteiro de sonhos na mochila, alguém, ali do meu lado, sabia bem o que eu passava. E por você ser assim, é tarefa difícil escrever pra você. Porque ao mesmo tempo que é quase impossível pra mim fazer seu coração, tão acostumado a frases mais bonitas e intensas do que as minhas, sorrir e sentir especial com alguma palavra escrita é tão fácil fazer um coração tão sensível como o seu sorrir e se sentir especial com essas palavras que não tem outro objetivo se não o de te fazer saber o quão importante você é pra mim. Assim mesmo com todo esse seu jeito que nem sempre todos são capazes de entender. Sendo aquela Ju que não admitia conversa durante as aulas ou aquela que ignorava todas as regras pelo prazer de conversar com um amigo e se sentir essencial pra alguém. Sendo a menina saltitante que girava comigo no pátio durante os intervalos ou a mulher que tinha sempre o que dizer quando um coração precisou de conforto. Você, de todos os seus jeitos e com todos os seus trejeitos, é especial. Quer prova disso? olha pra sua horta sempre tão movimentada. As chuvas que sempre se anunciam por aí, comprovam o quão importante é te ter por perto; o quanto seu coração sensível, seu amor sem medidas, sua entrega absoluta são essenciais. Já não se  fabricam mais corações como o seu. Corações que não param na primeira barreira,  que não desistem na primeira queda e que não medem esforços pra ajudar. E sabe o que você consegue com tudo isso, entre tantas outras coisas? a minha sincera admiração.
Te admiro pela responsabilidade que você automaticamente puxa pra si em grandes obras, seja na igreja ou no colégio. Só não se cobre demais. Não coloque nos seus ombros todo o peso do mundo, divida-o, se precisar de alguém, deixe meu nome vir à sua mente. Te admiro pela aceitação desse ser que você carrega, por não teres vergonha de assumir que sim, o seu mundo interior é incontáveis vezes maior do que o exterior e é assim que ganharás o mundo e as pessoas. Se aparecerem querendo te diminuir, fazendo sufocar a beleza de tudo isso, descarte do teu caminho. Alguém como você deve ser aceito pelo que é - porque o que se é, é de uma beleza que não se pode contar.  Admiro a dedicação com que fazes tudo o que vem à tua mão, desde um trabalho manual à alguem feliz. E sobre isso não tenho o que te dizer, a não ser pra que continues sempre assim, dando o melhor de si, buscando lugares altos sem nunca desmerecer alguém. Admiro a seriedade com que certas vezes olhas para o lado de fora, mas não leve a vida tão a sério, descubra o espaço para que o seu lado meninona - o seu lado Juzão - possa existir. Admiro, inclusive, o que você se tornará, porque com toda essa alma do bem, você certamente brilhará, não duvide. Não duvide e, sobretudo, não desista. 
É verdade que não fui sua dupla, nem você a minha. Também é verdade que passei longe do título de melhor amiga. Mas não posso deixar de dizer que eu conheço você mais do que gente que esteve bem perto de ti - porque em você eu encontro partes de mim e assim entendo, analiso, descubro. Lembro quando, numa tarde quente, dentro de uma biblioteca filosofando sobre ventila-dores enquanto deveríamos fazer algum trabalho impossível de matemática, você disse que sentia falta de falar, de ter alguém pra conversar, pra te entender, uma amiga pra te ver sozinha num canto e não te deixar ficar lá, te chamar pra perto, andar contigo pelo pátio, ser alguém pra dividir uma vida. Eu quis dizer que eu poderia ser essa amiga, mas fiquei quieta porque, além de não ter no momento condições emocionais pra realizar o sonho de alguém, era um pouco tarde demais. E foi o que aconteceu: a tarde chegou. O colégio acabou. A rotina virou lembrança. As lembranças viraram fotografias. Só a amizade restou. E o pátio agora é outro, chamam de vida real. Nos jogaram nela, mas não há motivos para sustos, iremos juntas - eu, você, as estrelas. 
Agora, ano novo, você novo, idade nova, te convido pra andar por esse pátio comigo, de mãos dadas pra nunca nos afastarmos, dividindo dores, amores, conquistas. Vamos juntas, Juzão. Pra nossa nova vida, que será do jeito que nossos corações sonhadores pensaram um dia. Você merece. Tudo de bom. Todo sucesso do mundo. Porque você é alguém que saberá lidar com ele. Estarei aqui. Aplaudindo o que você é e se tornará. Eu acredito em você, minha amiga. Mantenha sempre o contato, o meu coração precisa das suas histórias pra continuar acreditando na vida, no amor e nas pessoas.

Eu te amo muito, Juliana Alves Rock'n'Roll. 
Feliz Aniversário.

5 comentários:

Thaís disse...

omg, voce estuda no meu colégio?? deve ser outra unidade... *-*

Juliana A. Rock'n'Roll disse...

chorei..
owwwn,nicole.. como vc consegue perceber tudo isso? eu queria que as pessoas lessem essas palavras e pudessem ver assim o eu tenho aqui, ver assim que meu coração não é só meu...
Deus, obrigado por essa Grande amiga, obrigado por essa grande inspiração que ela tem e que me cativa, obrigado por alguém acreditar de verdade em mim.
Obrigado Nics por passar o dia comigo, obrigado por conversar comigo, obrigado por ver além do que muitos outros viram..
Te amo

Ariana disse...

Ai que linda homenagem, emocionei aqui.
É tão bom ter alguém assim na nossa vida né?


Beijos

Rowena Silva disse...

Ah cara que lindoooo .... a Juu merece com certeza... Beijs meninas amo vocês

Baaah disse...

Se eu fosse essa tal amiga.Ficaria com os olhos cheios de lágrimas.Juro.Não sie como, mas vc simplesmente tem o dom.É tão nítido, tão intenso...E você refete isso a sua volta, à suas amigas.
Escreves de tal forma que pode escrever quilométricamente mas sempre pararei para ler e surpirar a cada palvrinha escrita.;)

Beijooos!

poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...