terça-feira, 20 de julho de 2010

Dia vinte de julho.

Parabéns pra vocês que não perdem a foto, a piada, o abraço. Vocês que compartilham a família, o lugar, a pizza. Parabéns para os que sabem melhor do que eu quando a tpm bate à porta e medem as palavras sem que eu precise pedir. Parabéns pra vocês que ficam depois da festa pra arrumar a bagunça e da decepção pra arrumar o coração. Parabéns pra vocês que oferecem não só o ombro, mas o abraço inteiro. Pra vocês que provocam sorrisos e enchem a caixinha da minha memória de histórias incríveis pra contar pros meus netos. Parabéns pra vocês que preenchem todos os possíveis vazios que existem em mim. Pros sabem mais do que eu sobre os meus jeitos, gostos e defeitos. Parabéns pra vocês que me oferecem ouvidos e sabem entender quando eu prefero ficar calada. Pra vocês que não questionam minhas opiniões e me apoiam mesmo quando não concordam. Parabéns pra vocês que aturam todos os meus humores e jamais desistem de mim. Pra vocês que deram um sentido à chave no meu pescoço. Pra vocês que compartilham seus segredos, seus medos e sonhos. Pra vocês que ouvem meus conselhos, minhas broncas e piadas ruins às sete da manhã. Parabéns pros rostos que preenchem 90% das fotos do meu computador. Pros rostos que me fazem sentir segura em meio à multidão. Pros sorrisos que motivam o meu. Parabéns pra vocês que eu vejo todos os dias e pros que eu vejo uma vez ao ano (e que amo do mesmo jeito). Parabéns pra vocês, seres incríveis, que eu tenho a sorte de chamar de amigo. Amigo é calendário, bloco de notas e diário. Amigo é estranho que se faz irmão, irmão que se faz estrela. Amigo é base, cola mágica que firma nossos pés no chão, gps que mostra onde a gente quer estar. Tem amigo 5 anos mais novo e dez mais velho. Tem amigo que não fala, só ouve. Tem amigo que só fala, não ouve. Tem amigo do lado esquerdo e tem amigo longe dos olhos. Tem amigo que vai e não volta, mas deixa sempre um pedaço e leva outro consigo. Tem amigo que fica em forma de carta, poesia, letras apagadas numa borracha qualquer. Amigo que é amigo vai além do fim. Amigo não se esquece, fica sempre tatuado no peito. Amigo não se troca, não se substitui, não se vende. Mesmo que outras pessoas cheguem, o vazio que fica quando um amigo vai ninguém preenche. Amigo é estrela que brilha no nosso céu, é tatuagem permanente, presente que vem fora de época. Amigo é cumplicidade, sinceridade, lealdade. É a parte mais importante da canção, o trecho grifado no livro da vida, farol que mostra o porto. Amigo é coração que chega devagarinho e sem pedir licença fica preso ao nosso. Amigo é ser que te escolhe, mesmo com toda a sua bagagem de erros e defeitos. Amigo merece mais que um dia, merece um ano inteiro. Um ano inteirinho de mensagens carinhosas, subnicks em homenagem, outdoors que não nos deixem esquecer. Por isso hoje, dia vinte de julho, fica a esperança de que todo dia a gente acorde com aquela vontadezinha na alma de ligar pra alguém, mandar um sms, um scrap, um sinal qualquer que seja, só pra dizer obrigada, amigo, obrigada por escolher a mim.

2 comentários:

Mandy disse...

*---* Que lindoo. Feliz dia do amigo Nicole. E é sério, eu te considero como uma já viu. ♥

Luiza disse...

você mais uma vez descrevendo de uma forma super bonita, dessa vez o amigo. concordo com cada linha. beijo grande pra você, que mesmo longe e sem conhecer, já considero um tipo de amiga. :)

poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...