terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Os outros.

Tem tanta gente interessante por aí. Tem tanto coração pedindo pra ser adotado. Tem tanto abraço guardado, tanta vontade de pertencer a alguém. Tem tanta gente enviando sinais, apostando todas as fichas em mim. Em mim. Que continuo aqui, dizendo nãos, mas querendo sins com todas as forças. E exigindo mais do que eu sei dar. E racionalizando demais. E voltando sempre pra mesma tecla: você. E machucando uma porção de gente que não merecia e machucando a mim mesma.
E eu sofro sendo assim. Sofro quando escondo do mundo lá fora todos os segredos que existem dentro de mim. O mundo é moderno demais e eu antiquada demais, não sei viver romances fáceis, que começam num piscar de olhos e acabam noutro. Eu não quero isso. E eu fujo disso. E eu sofro por isso. Sofro porque quando alguém se aproxima eu começo a racionalizar. Sofro porque machuco pessoas sendo assim. E, sendo assim, eu sempre desisto antes de tentar. Eu fiz assim com você. Eu te racionalizei até o último centímetro. Eu pesei cada palavra que você disse. Eu pus na balança todos os sorrisos, todos os olhares, todas as partes de você. Eu pesei, somei, dividi, multipliquei, subtrai, te transformei numa equação cujo resultado foi uma incógnita. Eu não sei se é verdade. Eu não sei se você é tudo o que eu acho, ou se tudo é resultado de uma imaginação fértil. Eu sei tanto sobre você que isso só faz lembrar que eu ainda não sei nada. Eu só sei que é com você que eu quero perder esse meu medo de me relacionar. E me entregar. E amar. É com você que eu quero dividir meus pesadelos e segredos. É só com você que eu quero dividir minha coca-cola, meus arco-íris, minhas estrelas de estimação. É com você, não com os outros. Não com aquele que pode me carregar de uma ponta a outra; não com aquele que me pagaria bilhetes rodoviários pra encurtar distâncias. Não com aquele que me levaria pra praia e andaria comigo sobre o azul do mar. Não com aquele que me dedica músicas, nem com o que me dedica solos de guitarra, nem com o que sempre me atraiu. Nem com nenhum outro alguém que possa estar nesse segundo me dedicando pores do sol, versos singelos ou batidas do coração. Se esse alguém não for você, eu não quero que seja nenhum outro. Porque todos esses outros só me fazem lembrar o quanto eu tento me enganar dizendo que não me importo mais contigo. Então hoje, eu decidi acabar com essa história. Eu só quero você. Eu quero que você me carregue pro outro lado do mar, pra onde exista uma história pra nós dois. Eu quero com você encurtar nossas distâncias. Eu quero andar pela praia de mãos dadas contigo. Eu quero versos, chuvas e textos inteiros dedicados por você. Eu quero ser cafona e antiquada do teu lado. Eu quero, com você, mostrar pras pessoas que mesmo nesse mundo instantâneo, é possível, sim, ter um amor verdadeiro, que dure mais que um dia. Eu quero que os outros vejam o quanto valeu a pena esperar todos esses dias por você.
Eu não quero um, eu quero o. Eu não quero outros, eu quero aquele. E aquele, entre indas e vindas, lágrimas e sorrisos, continua sendo você.

_______
talvez esse texto não faça muito sentido pra vocês, mas pra mim faz todo sentido do mundo.
é cheio de "piadas internas", se é que podem ser chamadas assim rs.

10 comentários:

Nana disse...

Humm...Gostei!!!
CHEIO de personalidade!!!

bjooo

O Profeta disse...

O troar do trovão, esta incessante chuva
As estrelas choram todas as mágoas na terra
Onde param os Anjos, porque não nos acodem os Santos
O mal e o bem porfiam esta eterna guerra

As casas do sul ruiram todas
Tal como a esperança desesperada
Toquei no rosto de uma criança triste
Senti uma paz surgir do nada


Mágico beijo

Luana A. disse...

Me identifiquei muito. É incrivel como a saudade daquela pessoa simplesmente segurando a sua mão, não pode ser encoberta por outra que está dando tudo que pode por você.
Muito bom seu texto flor, parabéns!

beijos :*

Little dreamer disse...

Mais direto impossivel ne?
Se essa pessoinha realmente existir, e ler isso, em algum momento, espero q consiga captar a msg, e dar o valor q vc merece =X

Mandy disse...

Como assim esse texto não faz sentido pra mim? Ta louca é? ... Você não tem ideia do quanto eu me encontro nesses teus textos. Adoro demais o que você escreve.. :D
Ah, não pude vim aqui esses tempos, tava viajando... Mas agora estou de volta.

Bjooos
Mandy

Hosana Lemos disse...

quando só aquela determinada pessoa fosse necessária, como se os certos momentos só fizessem sentido na presença daquele tal!
;)


adorei
=**

Gio vanna disse...

Nicole, com piadas internas ou não, está perfeito. E com certeza, quantas vezes não procuramos aquele que amamos em outras pessoas? As vezes tem os olhos, a risada, sempre procuramos nos outros.

Obrigada pela visita, e ainda mais, obrigada por comentar, foi muito importante para mim!

Flavia C. disse...

As vezes me dá vontade de abrir a boca e soltar um palavrão pra ver se chamo atenção, bem do tipo: "Porra, você não tá vendo que é você que eu quero e que mais ninguém nesse mundo vai me fazer sentir o que você fez?"
É muita revolta, rs. Mais é. Eu acredito na filosofia de que "amor não se implora". Mais, é complicado quando você faz de tudo pra que a pessoa entenda, que se trata dela e de ninguém mais e mesmo assim ela não consegue se entregar pra tamanho sentimento.

Lendo o seu texto me lembrei daquela música que o Leoni canta, não sei quem é o compositor...
"Não consigo achar normal, meninas do seu lado, eu tenho mil amigos mais você foi, o meu melhor namorado... Procuro evitar comparações entre flores e declarações, eu tento te esquecer... A minha vida continua, mais é certo que eu seria sempre tua, quem pode me dizer... Depois de você, os outros são os outros e só" ♫

Os outros são os outros e só.
Divino, Nicole. E as suas piadas internas foram bem compreensíveis pra mim, rs ! Me SUPER IDENTIFICO com você.

beeijos! :*

Giovanna. disse...

Nesses momentos os outros são apenas os outros. Pois o unico que preenche o vazio é ELE.

Bells disse...

Como sempre mais um texto perfeito não é? kkk *-*-* lindo amei nic :D parabéns

poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...