sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Sobre o que eu nunca escrevi


Eu nunca escrevi sobre todos aqueles dias que eu passei contigo. Nunca escrevi sobre o modo que você me amava mesmo sabendo que eu não correspondia ou sobre todas aquelas vezes em que você disse que eu era especial.
Eu nunca escrevi sobre a forma como eu me apegava ao teu amor, mesmo não correspondendo, eu fazia do teu, e só teu, amor a minha fuga dessa solidão.
Eu poderia ter escrito sobre as suas frases de efeito, seus olhares, ou sobre todas as nossas conversas em que não havia nada a ser dito mas a gente insistia só pra não perder o momento.
Risadas, conversas, mensagens, olhares, beijos, abraços, piadas, tudo isso daria um bom texto, mas ainda assim eu nunca escrevi sobre nada disso.
Eu nunca escrevi sobre você. Até hoje. Até agora.
Agora que você parece ter ido embora. Agora que a luz está apagada e a chama do amor também. Agora que você não me quer mais, eu escrevo sobre você. Talvez porque agora você tenha se tornado o tipo que me atrai: aquele que eu tenho que conquistar.
Vai entender, mas o difícil sempre chamou mais a minha atenção.

3 comentários:

• Jualves ♫ disse...

Nicole, agradeço a Deus por Ele ter posto Você em minha vida. Por Ele fazer de você minha ponte com meus próprios sentimentos. Como é que você sabe tanto de mim [e escreve] se eu nunca contei isso[pelomenosnãocomoslábios]? TeAmoAmiga!

Helen Karoline disse...

Vai entender, mas o difícil sempre chamou mais a minha atenção. ++

lindo*-*

Caroline Sberse disse...

Gosto daquilo q parece impossivel

bjinhos

lindo blog seguindo

http://pequenamasgrandemulher.blogspot.com/

poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...